Domingo, 29 de Junho de 2008

RUMO AO TITULO ( ÉPOCA 2000/01 )

 

 

Recordar é viver, mas hoje mais do que nunca temos que lutar pelo nosso clube e não podemos JAMAIS DESARMAR!!

 


publicado por PNvelhaguarda às 20:54
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (5)
Sexta-feira, 27 de Junho de 2008

COLECCIONISMO AXADREZADO

 

   

 

      

 


publicado por PNvelhaguarda às 02:42
| Dá o teu bitaite

RIR FAZ BEM - "A BANDEIRA METE-A NO..."

 

 

Agora percebo a razão do Cadiz ter expulso o "talentoso" Bangoura, com adeptos destes ninguém aguenta a pressão, os fiscais de linha que o digam...

 


publicado por PNvelhaguarda às 02:35
| Dá o teu bitaite
Quarta-feira, 25 de Junho de 2008

INVASÃO A FARO ( ÉPOCA 94/95 )

 

 

As deslocações ao Algarve para ver os jogos do Boavista contra o Farense, tiveram  sempre aquele "gostinho" especial, mais do que não fosse devido às eternas picardias Norte/Sul.

Sem duvida que a transferta que mais recordo e isto por várias razões, foi a que fizemos na época de 94/95, nesse ano invadimos literalmente o estádio de S. Luis, da Invicta partiram 5 autocarros exclusivamente repletos de ultras axadrezados, o que prefazia um total de 300 panteras presentes em Faro!!

Ainda me lembro como se fosse hoje da cara de espanto dos algarvios ao ver o pessoal a entrar na cidade em cima das camionetas com tochas arder, foi sem duvida uma cena digna de se ver.

A própria policia não estava a contar com uma deslocação com esses nºs, até porque em anos anteriores a nossa presença saldava-se sempre por um autocarro, no máximo dois.

Estacionamos os autocarros a cerca de 1km de distância e em cortejo seguimos para o estádio, logo apareceram as primeiras quezilias, desta feita com um grupo de motards do moto clube de Faro, situação essa rapidamente sanada pela policia.

Já às portas do estádio novamente a tensão ao rubro e isto porque os ultras locais, os recentemente criados  "South Side Tutti Frutti", decidiram dar-nos as boas vindas com um festival de pedras e garrafas, como a malta do Bessa é "bem educada", também não se inibiu de procurar retribuir a amabilidade dos locais, vai dai tentou confraternizar com os ditos cujos e chegou mesmo a dar algumas palmadas no lombo dos jovens algarvios, contudo e com muita pena nossa, teve que ser novamente a policia a acabar com a festa.

Já dentro do estádio ocupamos a bancada lateral e os nossos cânticos de incentivo à equipa foram uma constante durante todo o jogo, havendo contudo ainda tempo para as bocas da praxe, para mais alguns problemas no nosso sector que originaram a intervenção da policia de choque e também para confirmarmos as nossas suspeitas... no sector da claque local podia-se ver facilmente caxes dos NN´s e imagine-se!! da JL ...  gajos coerentes e sem duvida com uma grande mentalidade estes jovens algarvios...

O desafio terminava com o resultado de 1-0 a favor dos da casa, que mais pareciam ter ganho o campeonato...

Infelizmente a policia ( mais uma vez!! ) obrigou-nos a ficar retidos quase uma hora dentro do estádio, o que deu tempo mais que suficiente para os corajosos jovens de Faro fazerem tiro ao alvo às nossas camionetas, claro está que quando saímos tinhamos já "ar forçado" em algumas delas...

Com alguma dificuldade a policia local lá nos conseguiu encaminhar para os autocarros, isto porque e apesar das nossas insistências, os ultrás da casa faziam questão de nos virar as costas e fugir a sete pés...

Azar dos azares, precisamente quando tinhamos acabado de entrar na auto-estrada, uma das camionetas, por sinal a minha, começou a "queixar-se" de um furo num dos seus pneus traseiros que por pouco não nos fez ir parar ao campo.

Conclusão, enquanto os outros 4 bus completamente à pinha rumavam calmamente à Invicta, nós viamo-nos literalmente apeados no meio da faixa de acelaração...

Como a escuridão era quase total e a possibilidade de um acidente acontecer era uma realidade, nada melhor que acender umas tochas para avisar a navegação ( leia-se o restante trânsito ), excusado será dizer que os primeiros zelosos automobilistas ao verem todo aquele aparato ( abriu-se à volta de 8 tochas em simultâneo, algumas delas em plena faixa de rodagem e outras em cima do tejadilho do bus ) pararam uns bons metros atrás, mais do que não seja com medo que aquilo se tratasse de uma espécie de carjacking no minimo sui generis, até hoje, essa foi sem duvida a melhor tochada que alguma vez presenciei.

Escusado será dizer que levamos com umas boas horas de seca à espera que nos resolvessem o problema ( convém realçar que os telemoveis na altura, pelo menos para nós, eram ainda uma autêntica miragem ), que só ficou solucionado após a substituição da camioneta, a nossa tinha ficado com o rodado completamente destruido.

Seriam já 4 da manhã quando retomámos a viagem rumo à cidade do Porto, onde chegariamos finalmente por volta as 13h.

Já em casa e antes de cair num sono profundo, houve ainda tempo para ver a gravação do jogo que tinha previamente programado no video ( os tempos áureos do VHS ) e rir-me à custa das "tiradas" do inconfundivel Gabriel Alves, que entre outras coisas, tinha-se saido com umas pérolas do género :

 

" Eeeeeeeeee agora os Panteras Negras em confrontos com as autoridades... é triste ver a juventude deste país perdida nos tentáculos do hooliganismo, o governo português tem que fazer alguma coisa, aqueles rapazes são futuros chefes de familia e nós temos a obrigação de os orientar, caso contrário o futuro da nossa sociedade está gravemente comprometido..."

 

"Conto agora, 1, 2, 5, 10... cerca de 20 policias no seio da claque axadrezada, os animos estão muito exaltados e só pedimos para que todos tenham a consciencia que estas coisas têm que ser evitadas a todo custo...as autoridades também tem culpa no cartório..."

 

Nota : Aos "velhinhos" que estiveram presentes nesta transferta e que porventura tenham tirado fotos,  pede-se o favor de colaborarem com este espaço axadrezado, enviando esse mesmo material para o nosso email : pn_velha_guarda@sapo.pt

 

 

VELHAS MANEIRAS 84

 


publicado por PNvelhaguarda às 01:20
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (6)
Segunda-feira, 23 de Junho de 2008

MOMENTOS AXADREZADOS ( 18/09/1991 )

 

 

 

 

Camisola utilizada pelo nosso defesa Samuel, mais concrectamente no Bessa e no jogo em que defrontámos e derrotámos por 2-1 o poderoso Inter Milão, conseguindo assim o apuramento para a eliminatória seguinte da Taça Uefa.

 


publicado por PNvelhaguarda às 03:34
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (5)
Sábado, 21 de Junho de 2008

CAMPEONATO DE FUTEBOL DE PRAIA

Excelente está a ser a nossa participação no campeonato de futebol de praia, ao fim de dois jogos a qualificação para as finais que irão decorrer no Algarve ( Portimão ) já está mais do que assegurada.

Após a vitória de ontem frente ao Leixões por 3-2, hoje a nossa equipa voltou a ganhar, desta feita "cilindrando" o V. Guimarães por um conclusivo 6-2.

Resta agora cumprir calendário frente ao Arcozelo e esperar pelas finais, onde o Boavista terá que ficar em 1º ou 2º lugar para assim subir à série A e poder então defrontar adversários bem mais apeteciveis, mais concrectamente os 3 estarolas do futebol português.

Uma palavra final para o nosso capitão, o veterano Nelo, o homem fez um grande jogo, está numa forma formidavel e até parece que a idade não passa por ele.

 

 

 

 

 

 

 


publicado por PNvelhaguarda às 18:46
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (2)
Quinta-feira, 19 de Junho de 2008

JOGADORES DO PASSADO - AMÂNDIO

 

 

A carreira de Amândio Ramiro Barreiras no futebol português conta já com quase quarenta anos de longevidade, primeiro como jogador, em clubes como o Boavista FC, Sporting CP e Vitoria SC, por exemplo, e depois enquanto treinador, no SC Espinho e UD Leiria, entre outros clubes, de menor dimensão. ( ... )


Amândio nasceu no dia 11 de Fevereiro de 1952 em Torre de Moncorvo. É no clube da sua terra, o GD Torre de Moncorvo, que este promissor defesa central do futebol português inicia a sua carreira de futebolista, remontando o seu primeiro registo federativo à temporada de 1969/70. Em Torre de Moncorvo, o jovem Amândio, alem do futebol desempenhava também funções numa entidade bancária da região.

 

 
Na época seguinte ingressou no GD Chaves, talvez o mais representativo clube da região transmontana. Na equipa flaviense evidenciou todas as suas potencialidades e no seguimento das boas exibições realizadas ao longo da temporada de 1970/71 surgiu o convite na ingressar num clube do primeiro escalão do futebol português, o Boavista FC.
 

Com apenas 19 anos de idade entra no Boavista FC e, apesar da sua juventude e inexperiência, acaba por realizar uma temporada bastante promissora, realizando 17 jogos pelos axadrezados no Campeonato Nacional da 1ª Divisão da época de 1971/72, denotando alguma regularidade, apesar das constantes mudanças no comando da equipa técnica do clube.

 

Teve cinco treinadores a equipa do Boavista FC na temporada de 1971/72, começando com o controverso português Joaquim Meirim e terminando com Dante Bianchi. Essa instabilidade acabou por influenciar o rendimento da equipa que de todo o modo acabou por garantir o objectivo da manutenção na 1ª Divisão Nacional com um 11º lugar na tabela classificativa.

 


Nas três épocas seguintes, Amândio prosseguiu a sua carreira ao serviço do Boavista FC e durante esse período afirmou-se definitivamente como um valor seguro no futebol português. Ganhou a titularidade na equipa axadrezada e algum destaque como um dos seus principais jogadores, de tal modo, que no final desse período acabou por ser transferido para o Sporting CP.

Em 1972/73 é seguramente o ano da afirmação com o treinador Aimoré Moreira. Alinha em 24 jogos do Campeonato Nacional da 1ª Divisão, onde o Boavista FC atinge o 7º lugar na classificação geral.

 

A época seguinte segue o mesmo percurso da temporada anterior, quer a nível colectivo, com o Boavista FC a posicionar-se no 9º lugar, que individualmente, onde Amândio mantêm a condição de titularíssimo na equipa que continuava às ordens de Aimoré Moreira.

 

 

A boa performance patenteada por Amândio ao longo das últimas épocas no Boavista FC levaram à sua transferência para o Sporting CP, um tradicional candidato a conquistar o título de campeão nacional. Permaneceu no Sporting CP durante duas temporadas, mas desta feita, não conseguiu afirmar-se e conquistar um lugar de titular na formação leonina, esfumando-se as legítimas esperanças que o jogador tinha no passo que estava a dar na sua carreira.

Na época de 1975/76 foi o eterno defesa suplente do treinador Juca. Amândio realizou somente 6 jogos no Campeonato Nacional da 1ª Divisão, no qual a equipa do Sporting CP realizou uma péssima temporada a todos os níveis, de resto, bem evidenciada pelo 5º lugar na tabela classificativa final.
 

 

Com Jimmy Hagan na temporada seguinte o Sporting CP foi o vice campeão atrás do SL Benfica que mais uma vez conquistou o Campeonato Nacional da 1ª Divisão. Nesta época de 1976/77, o defesa Amândio teve mais algumas oportunidades para alinhar pela equipa de Alvalade, jogou nove partidas na principal prova nacional, mas algumas más exibições criaram nele o verdadeiro bode expiatório da massa associativa sportinguista que o culpou de alguns maus resultados que tiraram o titulo ao clube.

 

Ainda permaneceu em Alvalade no início da pré época de 1977/78, renovando para o efeito o seu contrato com o Sporting CP por mais duas temporadas. Mas depois de um torneio em Espanha ao serviço dos leões de Alvalade acabou por solicitar a saída do clube para regressar ao Boavista FC, juntamente com o guarda-redes Matos.

 



Voltou assim ao clube do Bessa na temporada de 1977/78, celebrando um contrato com a duração de dois anos, numa altura em que se havia encerrado o capítulo da passagem de José Maria Pedroto pelo Boavista FC. O treinador dos axadrezados era agora Fernando Caiado que, contudo, foi substituído a meio da época por Jimmy Hagan.


No Campeonato Nacional da 1ª Divisão, o Boavista FC foi somente o 7º classificado na competição, onde Amândio voltou a sorrir, isto é, adquiriu novamente o estatuto de titular. Efectuou 22 jogos pelo clube axadrezado na mais importante competição nacional e apontou, nesta temporada, o primeiro golo da sua carreira na prova.

 

 

A época de 1978/79 seria a ultima temporada de Amândio ao serviço do Boavista FC, afinal, o clube que o projectou no futebol português. Mas este ultimo ano de xadrez não terá sido a melhor época de Amândio, que apenas realizou 14 jogos no Campeonato Nacional da 1ª Divisão, apontando 2 golos, mas onde a titularidade já não era tão frequente.

Nem José Carlos, treinador que iniciou a época como treinador do Boavista FC, nem posteriormente, Jimmy Hagan, tiveram em Amândio a primeira aposta para a equipa principal.

 

 

Os desempenhos dos axadrezados no Campeonato Nacional da 1ª Divisão de 1978/79 foi considerado mediano, conforme o 9º lugar na classificação atesta, mas, nesta época, voltaram a conquistar a Taça de Portugal.

Depois de um empate e 1-1, houve a necessidade de realizar uma finalíssima para apurar o vencedor da competição, entre o Boavista FC e o Sporting CP, anterior clube de Amândio. Na finalíssima a sorte acabou por sorrir ao clube axadrezado que venceu por 1-0, com um golo apontado pelo avançado português Júlio. Nestas duas partidas da final da Taça de Portugal, Amândio foi sempre suplente, embora utilizado em ambos os encontros.

 

 

Refira-se ainda que no período áureo da sua carreira de futebolista, sobretudo enquanto representou o Boavista FC, Amândio foi diversas vezes convocado para representar a Selecção Nacional, no escalão de esperanças, onde contabilizou 3 internacionalizações.

 

 

 

Caducado o contrato com o Boavista FC no final da época de 1978/79, Amândio rumou à equipa do SC Espinho, que na temporada de 1979/80 estava de regresso à 1ª Divisão Nacional. O SC Espinho é também um clube umbilicalmente ligado à história do defesa Amândio.

Não só por ter sido o clube onde, de certa forma, Amândio relançou a sua carreira, mas também, porque foi no SC Espinho que a terminou, anos mais tarde, e onde iniciou o percurso como técnico de futebol. ( ... )

 

 

 

Créditos : Texto e fotos retirados do Blog "Glórias do Passado"

 


publicado por PNvelhaguarda às 02:59
| Dá o teu bitaite

RISE OF THE FOOTSOLDIER ( 2007 )

 

Baseado numa historia verídica, este filme retrata a vida de Carlton Leach, um conhecido e temido hooligan inglês que decide enveredar pelo mundo do crime.

Sem duvida que o seu conteudo "puro e duro" faz parecer alguns filmes do género, estilo "Green Sreet Hooligans" e "Football factory", autênticas comédias...

 

Nota : No próximo dia 1 de Agosto está também programada a estreia do aguardado filme "Cass Pennant", que por aqui já foi dado a conhecer e que se espera também ser de excelente qualidade.

 


publicado por PNvelhaguarda às 02:34
| Dá o teu bitaite
Quarta-feira, 18 de Junho de 2008

O ETERNO DERBY TRIPEIRO...

 

 

... outros tempos...outras vontades...

 


publicado por PNvelhaguarda às 05:31
| Dá o teu bitaite

EQUIPA DO BOAVISTA FC ( ÉPOCA 74/75 )

 


publicado por PNvelhaguarda às 03:07
| Dá o teu bitaite
Terça-feira, 17 de Junho de 2008

ALVARO BRAGA JUNIOR ASSUME CANDIDATURA

 

 

Álvaro Braga Júnior, actual presidente da SAD do Boavista, vai encabeçar a lista única concorrente às eleições, marcadas para o próximo dia 28, da direcção do Boavista FC. A solução foi encontrada hoje durante um almoço que reuniu Álvaro Braga Júnior, Tavares Rijo, o médico Joaquim Agostinho e João Loureiro, um encontro que Valentim Loureiro também acompanhou à distância.

Uma solução que, segundo soubemos, foi do agrado de alguns dos habituais apoiantes do Boavista, como é o caso do BPI, principal credor do clube.

Fica, assim, colocada de parte a possibilidade de ser constituída uma comissão administrativa, solução que podia falhar a qualquer momento, comprometendo o futuro do Boavista. Álvaro Braga Júnior irá agora formar a sua equipa, que contará com Tavares Rijo e Joaquim Agostinho, entre outras figuras carismáticas do universo boavisteiro.

 

In jornal Record

 


publicado por PNvelhaguarda às 18:43
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (4)
Domingo, 15 de Junho de 2008

LITOS - O ETERNO CAPITÃO

 

 

Por muito que se tenha criticado na altura a sua saída para o Málaga, ninguém pode negar que Litos foi sem duvida um dos jogadores que mais sentiu o orgulho em vestir e defender a camisola axadrezada, a sua imagem de raça e a mistica que transmitia, ficará para sempre ligada à história do BoavistaFC.

 

Links relacionados : http://pnvelhaguarda.blogs.sapo.pt/49611.html

 


publicado por PNvelhaguarda às 17:02
| Dá o teu bitaite
Sexta-feira, 13 de Junho de 2008

O PESSOAL DE ABERDEEN APOIA PORTUGAL

 

 

 

 

Os nossos camaradas escoceses fazem questão de demonstrar todo o seu apoio para com Portugal e torcem pelo sucesso da nossa selecção nacional.

 


publicado por PNvelhaguarda às 19:37
| Dá o teu bitaite

JOGADORES DO PASSADO - JIMMY HASSELBAINK

 

Formado nas escolas do FC Zwolle, Jimmy Floyd Hasselbaink nunca teve uma oportunidade para se estrear na primeira equipa. Seguiram-se passagens, sem grande sucesso, pelo Stormvogels/Telstar e AZ Alkmaar, apontando apenas 3 golos, em 3 épocas nestes clubes. Caído no esquecimento, rumou aos amadores do Neederlandia, um clube dos arredores de Amsterdão, que representou durante dois anos. Sem clube, no Verão de 95, surgiu, do nada, no Alentejo, para se submeter a um curto período experimental de cinco dias no Campomaiorense, em estreia na divisão maior do nosso futebol. Em dois dias, o rapaz holandês, de 23 anos, que parecia o pato Donald a correr - com os pés para os lados -, convenceu Manuel Fernandes, e o filho do comendador Nabeiro anunciava, via RTP, ao país a nova aquisição: 'contratamos o holandês Xime'. É certo que o Campomaiorense não se salvou da descida, mas na planície alentejana brotava uma 'pantera negra': Jimmy, autor de 12 tentos, praticamente metade dos tentos da equipa.



Os grandes tiveram medo de arriscar na sua aquisição, e o Boavista acabou por ser o passo seguinte na sua carreira. Formou uma das melhores duplas de ataque do clube, ao lado de Nuno Gomes, que valeu 35 golos na SuperLiga: 20 de Jimmy, 15 de Nuno Gomes. É certo que a carreira no campeonato foi uma desilusão - época conturbada, com quatro treinadores -, mas o êxito chegou no Jamor: vitória na Taça de Portugal, por 3-2, diante do Benfica, num jogo em que, estranhamente, Mário Reis preteriu Jimmy, que foi suplente utilizado. Muito pretendido, em Portugal e no estrangeiro, o Boavista vendeu o seu passe, no final da época, por 2 milhões de libras, ao Leeds United. Seguiram-se Atlético Madrid, Chelsea - que pagou 22,5 milhões de euros pelo seu passe - e Middlesbrough, com muitos golos, e a selecção holandesa, onde se pode orgulhar de ter sido dos poucos jogadores a vestir a camisola 10, a mesma de René van de Kerkhof, Ruud Gullit e Dennis Bergkamp.

 


publicado por PNvelhaguarda às 03:09
| Dá o teu bitaite
Quinta-feira, 12 de Junho de 2008

PANTERAS NEGRAS - NOVA GUARDA

 

 

É com exemplos destes que ficamos com a certeza que o  futuro dos Panteras Negras está mais do que assegurado.

 


publicado por PNvelhaguarda às 00:20
| Dá o teu bitaite

UNIVERSO AXADREZADO ( ANOS 70 )

 

 

 

 

 

 


publicado por PNvelhaguarda às 00:11
| Dá o teu bitaite
Terça-feira, 10 de Junho de 2008

RARIDADES AXADREZADAS ( 1945 )

 

 

 

 

Da saudosa modalidade que era o Hoquei em campo, com grandes e históricos pergaminhos associados ao nome do Boavista Futebol Clube.

 


publicado por PNvelhaguarda às 02:48
| Dá o teu bitaite
Segunda-feira, 9 de Junho de 2008

JOGADORES DO PASSADO - ÓSCAR

 

 

Óscar Vicente Martins Duarte, simplesmente Óscar, nome conhecido nos relvados do futebol português entre os finais da década de 70 e meados da década seguinte. Com um percurso futebolístico com passagens pelo SC Covilhã, GD Estoril Praia, FC Porto, Boavista FC, Académica de Coimbra e, finalmente, SC Farense.

Natural de Cabo Verde, Óscar nasceu no dia 5 de Dezembro de 1950 na cidade da Praia. Apesar de cabo-verdiano de gema, Óscar chegou a representar a Selecção Nacional “A” portuguesa, algo frequente no seu tempo, pelo menos em uma ocasião. ( ... )

Algo surpreendentemente Óscar acabou por deixar o FC Porto no final da temporada de 1978/79 rumo ao vizinho Boavista FC. O cabo-verdiano foi envolvido pelos responsáveis dos dois clubes como moeda de troca na transferência de Albertino dos boavisteiros para o FC Porto.

Rubricou um contrato valido por duas épocas com o Boavista FC, sendo considerado pelos axadrezados como a principal aquisição do clube para a época de 1979/80, cujo comando técnico seria entregue ao português Mário Lino.
 
Não foi porém nada feliz a passagem de Óscar pela equipa boavisteira, que alcançou um 4º lugar no Campeonato Nacional da 1ª Divisão. Óscar, talvez afectado pela dispensa do FC Porto, viu o seu rendimento baixar bastante e não conseguiu nunca afirmar-se no meio campo axadrezado, composto pelos titularissimos Eliseu, Almeida e Airton. Apenas realizou 7 partidas na principal competição portuguesa, sem ter apontado qualquer golo no decurso da prova.

Destaque porém na passagem de Óscar pelo Boavista FC para mais um troféu nacional que conquistou, desta feita, a Supertaça Cândido de Oliveira. No desafio decisivo o Boavista FC superiorizou-se ao FC Porto, vencendo por 2-1, num encontro em que Óscar foi titular. ( ... )
 

 

Créditos : Texto e fotos retirados do Blog "Glórias do Passado"

 


publicado por PNvelhaguarda às 01:36
| Dá o teu bitaite

RED ULTRAS ABERDEEN ( SEASON 07/08 )

 

 

A época dos nossos amigos escoceses em resumo...

 


publicado por PNvelhaguarda às 01:31
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (1)
Quinta-feira, 5 de Junho de 2008

SUBIDA À SENHORA DA GRAÇA ( 2007 )

 

 

Aqui fica mais um exemplo de dedicação e paixão pela mitica modalidade que é o ciclismo, os boavisteiros sempre acompanharam com carinho a sua equipa e quando esta entra em competição lá estão eles no apoio e na defesa das suas cores.

 

 


publicado por PNvelhaguarda às 01:08
| Dá o teu bitaite | Todos os bitaites (5)

Pesquisar neste blog

 

Visitas

Setembro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


Sempre Presente

últ. comentários

Em cima, da esquerda para a direita: Granja; Alcin...
Não deixa de ser uma grande equipa, espero que o m...
E quem ganhou o II Torneio Ibérico? FCPorto. Grand...
O 4º e o 5º, em pé, a contar da esquerda, são, res...
Grande equipa! Em cima, da esquerda para a direita...
O I TORNEIO IBÉRICO DE FUTEBOL JUNIOR ocorreu no a...
Esta equipa do Boavista F. C. é da época de 1954-5...
Boavista F. C. - Época de 1964-65
Esta equipa do Boavista F. C. não é dos anos 40! É...
Gostei bastante de ler este blog... e que tal uma ...

PN Bitaites


Links

Arquivos

Setembro 2012

Agosto 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Desde 21/01/08

Web Statistics

subscrever feeds

eXTReMe Tracker